sábado, dezembro 01, 2007

um-seis-um

A Denise pôs-me numa corrente, a minha primeira. Já há algum tempo, é certo. Mas aqui vai: a quinta frase completa da página cento e sessenta e um do primeiro livro que me apareceu à frente, que quero ler há imenso tempo mas estava esgotado mas enfim, finalmente, já o consegui.
E passo-a a outras escritas de nível: Gimane, Rascunhos-Ana, Pensamentos Blogueados, Fuga de Pensamentos e É a Bidinha. Só têm de pôr a vossa citação no vosso blogue, mesmo que não faça nenhum sentido… e passar para mais cinco pessoas! Depois avisem qual a citação que lhes calhou! A minha é extraordinária, melhor seria impossível. calhou-me tal coisa que nem sei o que pode significar.

Aqui fica:

«Se, pois, se.»

«A benfazeja», Primeiras Estórias, de João Guimarães Rosa, 4.ª reimpressão a partir da 5.ª edição/1.ª edição especial, Rio de Janeiro, Nova Fronteira, 2005 (1962)

3 comentários:

Denise disse...

Realmente, extraordiária! Grande GR!

pARTicia - patrícia figueiredo disse...

Ti!!!
que surpresa o teu comentário! a DC foi de facto a maior obra que tivemos que ler (em tamanho, claro!). e olha, quando tiveres tempo, se ainda não leste, lê o Bartleby e Companhia, do Vila-Matas, vais adorar!
beijinhos!
pat

pARTicia - patrícia figueiredo disse...

eu tenho uma Ficções, acho que é Ficções de comer :)
coisas chatas? duvido...
vai aparecendo!