domingo, outubro 25, 2009

Santiago de Compostela

Vista geral, a partir do jardim Carlomagno.


Tinha prometido, cumpro em parte: só imagens, sem grande relato. Há coisas ficam mais guardadas do que reveladas na memória pessoal. E para não priveligiar umas em função de outras, ficam no caderno pessoal do tempo. E as imagens, por vezes, falam por si. Algumas, das cerca de 200. Acrescento só que não me importava de morar lá, uns tempos. Mas mesmo nada.


As lojas das recordações e afins... perdição nos doces e nos típicos.


San Martín Pinario - muito interessante.




Catedral do meu Sant'Iago.


Vieira no chão... muitas por todo o lado!
P.S. - mais fotos aqui.

4 comentários:

carol m. disse...

Muy muy bueno, y qué tal, te arriesgaste a hablar un poco?
besitos.
PD Y eso de los dulces...probaste de los churros??

tulisses disse...

holla!

como non? Um poquito, si.

Os doces... a loucura. Churros nós também cá temos, eu perdi-me mais com tarde de Santiago (de amêndoa), Feuchos (gemas, açúcar e amêndoa) e Pedras Santas (bombons de chocolate negro e amêndoa). Comi lá e trouxe, mas a família já despachou tudo :)

besitos

mim disse...

Olha pois. que bela cidade. estive lá na sexta e comi uns huesos cheios de creme, muito bons ;)
as vieiras são para guiar os peregrinos nos caminhos de san tiago :)
para a próxima , paragem obrigatória na biblioteca da fac de história, já sabes!
se calhar ainda me calha a mim ter de viver lá um dia , mas por agora aproveito o Porto .
Ah . Jornadas enfiada na Torre do Tombo aproximam-se..
beijinho grande

tulisses disse...

eu sei para que servem as vieiras, só achei bonito. Para a próxima tenho de ir em dias que não sejam fim-de-semana...

Torre do Tombo parece-me bem :)
Enfiada é que não :(

beijo