terça-feira, junho 17, 2008

Instituto Camões - eterno retorno?

Surpreendentemente passei na prova escrita e passo à segunda fase. Mas contando comigo, para as 16 vagas, estão 57 pessoas, que também conseguiram, de 161 candidatos iniciais. No ano passado os números eram mais favoráveis: 19 vagas, 165 candidatos, 36 passaram na prova escrita - mas a estatística não é tudo, diz a Sandra. E ela é a minha consultora para coisas matemáticas, por isso concordo!

6 comentários:

Paulo disse...

Parabéns, rapaz! Vais ver que vai ser canja!

tulisses disse...

hum, muita gente tem manifestado muito optimismo em torno disto. sobretudo pessoalmente, até porque fica bem. mas eu sei que é verdade, que toda a gente quer que eu vá mesmo embora, de preferência para a Índia ou Timor...

estou a brincar, obrigado pela confiança e optimismo. vai ser canja (que é uma palavra de origem indiana), se não for, será caldo verde ou outra sopa qualquer, não há duas sem três e a dispersão muitas coisas salva-me de desilusões ou coisas parecidas...

pronto, pronto, eu calo-me.
ou antes, paro de escrever (mas só por hoje).

obrigado, Paulo.

Paulo disse...

Ah, os sítios não devem ser de sonho, mas, enfim, sempre sais deste país em queda livre (ok, podes ir para outro bem pior...).
Continuação de boa sorte e depois conta como foi.
Abraço

mim disse...

parabéns!! as estatísticas são um ponéi. e não contam com o conhecimento e experiência humana que adquiriste neste último ano. pónei . mas bem . beijo grande.

tulisses disse...

muito póneis foram os psicotécnicos... muito copy paste do ano anterior - mesmas perguntas, actividades, até a mesma colega... a Susana, de Águeda que tenta pela terceira vez (primeira o ano passado, comigo, a segunda foi em Fevereiro, no mini concurso que houve). acho que estive melhor, mas nisto sei lá o que é o melhor e o que é o pior e quanto chega ou não para chegar à próxima fase... o desafio continua, para já...

tulisses disse...

ah, em conversas paralelas, entre os candidatos, falou-se das pessoas que entram. são de três tipos: «c», «r» e «g», ou seja, cunha, recorrentes (já lá estavam, só tiveram de renovar o concurso...) e o génios. A minha leitora favorita entrou com «g», obviamente!

bjs